14.4.12

Jurei

Eu jurei a mim mesma
não chorar por mais ninguém
que não soubesse do meu amor
Jurei e jurei não chorar mais com fervor
Chorei tanto em vão que perdi a razão
e esqueci o que jurei
E assim, esquecendo de vez
Chorei 1, 2, 3...
Mas não desisti, e jurei...
E eu continuo jurando
e dizendo que não vou mais pensar,
que não vou viver de passado,
que tudo está acabado
e de nada mais eu vou lembrar,
Mas a alma grita e recorda
e a memória logo brota
e eu lembro da súplica no meu olhar..
Eu lembro do coração batendo acelerado
e o meu corpo todo acomodado
na vontade de te amar...
E quando tudo enfim terminou
Eu pensei que toda aquela dor
iria embora sem eu pedir,
E confesso que foi embora,
mas da pior maneira que eu já senti...
E agora, atormentada minh'alma piora
e por fim eu vivo este desefecho
em que consegui cumprir o meu desejo...
mas, doi tanto o meu grito abafar
Que eu daria tudo,tudo, tudo,
pra poder, só mais uma vez, chorar...



L.M.
29/11/09

Nenhum comentário: