26.9.09

Eu. Que nunca sou

Estou sufocando aos poucos
Por dentro, por fora, até não dar mais
meus pensamentos saem roucos
e falo como quem perdeu toda a paz

Meus olhos se encheram daquela sensação
minha mente novamente se tumultuou,
e num minuto, eu perdi toda a razão
que desde sempre me acompanhou...


Ao sentir pulsar cada veia
eu vejo que me tornei dependente
de cada sorriso seu que desenfreia
uma vontade mais que confidente

E assim, eu vou existindo aos poucos
Sufocando e pedindo por mais
Num turbilhão de pensamentos roucos
Numa agonia sem a menor paz...

21.9.09

O coração se aperta sozinho às vezes.
Mesmo que não pareça, às vezes dói.
Mas agradeço a Deus por nos dar algo
que nos restitua um pedaço da alma.
Agradeço por serem mais que anjos na nossa vida.
Agradeço, principalmente, à você.



Que tem feito meus dias mais felizes.